quinta-feira, 24 de novembro de 2011

1% 99% - O Poder da Execução

A reflexão sobre a obtenção de resultados na execução de projetos e outras atividades corporativas nos remete às lições ensinadas por Thomas Alva Edison. A célebre citação “Genius is one percent inspiration, ninety-nine percent perspiration” encerra a essência do foco no resultado. Talento é uma equação formada por dois parâmetros: inspiração e transpiração. Se a inspiração não está ao alcance de todos, a transpiração está. Talento é importante, mas não tem valor se não houver perseverança na realização. Cabe a nós usufruir do poder detransformar idéias em resultados.

As empresas e projetos estão abarrotados de boas idéias. Os profissionais criativos e inovadores, em todas as áreas de conhecimento, apresentam soluções para vários problemas. Entretanto, nas palavras de Oscar Motomura, “boas idéias não geram resultados. É sua execução com excelência que define a alta performance.” É necessário reforçar o “poder de execução”.Incentivar e valorizar a transformação de idéias em resultados através do foco na implementação com recursos adequados e liderança atuante.

Scott Belsky destaca no livro Making Ideas Happen que “as idéias são inúteis se não fazemos acontecer”. Fazer acontecer, eis a questão. Duas fontes de inspiração, melhor dizendo, duas fontes de transpiração: Amyr Klink e Bernardo Rocha de Rezende. O primeiro nos brindou com um poder de planejamento incrível e transformou sua inspiração em “aventuras” fantásticas. O segundo entrou para a história como o técnico que transformou o vôlei brasileiro em sinônimo de vitória. Ambos transformaram inspiração em resultados fantásticos.

Ponto em comum: fazer acontecer. Assim, vá em frente. Vá, enfrente. Realize, sem execução, não tem venda, mesmo com todo planejamento, sem execução, não tem resultado, quantas pessoas tem idéias fantasticas, ações no papel, mas sem execução, o que seria dessas idéias?
faça, faça acontecer, o executor garanti o resultado de quemplaneja, Use os seus 99% de transpiração.

O executor é o que tem coragem de bater o penâlti,aos 45 do fim do jogo, e por querer fazer, as vezes erra, mas é ousado, é vibrante!

Transforme-se em um faixa preta na arte da execução.



Fonte: http://brizante1blog.blogspot.com/2010/12/1-99-o-poder-da-execucao.html



Um comentário:

  1. Este blog é uma representação exata de competências. Eu gosto da sua recomendação. Um grande conceito que reflete os pensamentos do escritor. Consultoria RH

    ResponderExcluir